Blog

Como é a recuperação da rinoplastia?

rinoplastia cuidados no pos operatoriocomo é a recuperação da cirurgia plástica do nariz
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

A rinoplastia é um dos procedimentos mais populares no Brasil. Um dos principais objetivos da cirurgia é alterar o aspecto, o formato ou o tamanho do nariz, melhorando proporções do rosto e deixando-o mais harmônico.

Uma das dúvidas mais frequentes do paciente é sobre o tão temido pós-operatório. Para garantir uma boa recuperação após a cirurgia, o paciente precisa tomar alguns cuidados importantes após a operação. Algumas orientações extras são indicadas pelo cirurgião em casos específicos, mas há cuidados gerais que devem ser tomados por todos que passam pelo procedimento. Abaixo, confira alguns deles:


Algumas dicas para a recuperação da rinoplastia:

Evite movimentos bruscos

Durante o pós-operatório, evite movimentos bruscos com a cabeça e perto do nariz. Evite ao máximo tocar no local e redobre os cuidados mesmo ao realizar atividades simples, como se alimentar, para evitar que a região sofra algum impacto.


Hematomas e inchaço

É um sintoma normal nos primeiros dias. Apesar de serem um pouco desconfortáveis, em pouco tempo são reduzidos até que tudo volte ao normal. A aplicação de compressas geladas auxiliam nesse processo.

Como é a dor na recuperação da rinoplastia?

Essa é uma questão comum, mas a dor não é tão intensa. Analgésicos são suficientes para conter o desconforto causado nos primeiros dias.


Repouse!

Não realize esforço físico nos primeiros dias. Em algumas semanas será possível voltar a realizar atividades físicas, como academia, por exemplo. Aproveite o momento para relaxar e recuperar as energias. 


Respiração

Um dos sintomas do pós-operatório é a obstrução nasal. O nariz fica congestionado, mas é por pouco tempo.


Cuidado com o óculos

Como fica apoiado sobre o nariz, o óculos só deve voltar a ser usado após a autorização do médico. Ele deve ser evitado principalmente nos primeiros dias após a cirurgia e, se você precisa dele para realizar atividades básicas, o ideal é avaliar, junto do cirurgião e com antecedência, outras alternativas.


Respeito seu tempo

É muito importante que o tempo de recuperação do procedimento seja respeitado. Se a sua rotina é agitada, vale considerar realizar a cirurgia durante o período de férias, por exemplo.

O período de duração do repouso varia conforme a situação do paciente e é indicado pelo médico antes da cirurgia, para que ele se programe. Em geral, as atividades devem ser evitadas nas primeiras duas semanas e devem ser retomadas de forma gradual. Durante todo o período de recuperação, o paciente deve estar em contato e fazendo acompanhamento com o cirurgião. 

Confira outros posts sobre o assunto:
5 fatos importantes sobre a rinoplastia
Desvio de septo: quando corrigir?
6 passos para uma rinoplastia segura

Sobre a Dra Ane Trento

Dra Ane Trento é Otorrinolaringologista, com residência médica realizada no Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná, em Curitiba, e Fellow em Cirurgia Facial no Hospital do Instituto Paranaense de Otorrinolaringologia (IPO).

Atende em Santa Catarina (SC), nos municípios de Criciúma, Tubarão e Içara. Para mais informações, clique aqui.

As informações disponíveis neste site possuem apenas caráter educativo. Apenas uma avaliação com um profissional médico possibilitará o diagnóstico de doenças, a indicação de tratamentos e a prescrição de medicamentos.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Dra Ane Trento é Otorrinolaringologista, com residência médica realizada no Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná, em Curitiba, e Fellow em Cirurgia Facial no Hospital do Instituto Paranaense de Otorrinolaringologia (IPO).

Atende em Criciúma (SC).

Contato